POLÍTICAS LOGIN INFORMÁTICA PARA MINERAIS ORIUNDOS DE ZONA DE CONFLITO

Os procedimentos previstos no Código de Conduta da empresa afetam diretamente funcionários, prestadores de serviço, fornecedores e clientes. Entendemos que a Login Informática faz parte da comunidade e, portanto, é um importante agente de mudanças de paradigmas, influenciadora de opinião não apenas através do seu nicho de mercado de eletroeletrônicos, mas também pelo posicionamento da empresa nas redes sociais, eventos e programas sociais.
Reafirmamos total apoio às medidas sugeridas no Acordo Global das Nações Unidas (ONU) e Organização de Cooperação e de Desenvolvimento Econômico (OCDE) para inibir abusos de mão de obra, reduzir riscos ao meio ambiente e riscos de corrupção. A login usa o modelo RMI_CMRT para conduzir uma consulta razoável do país de origem dos minerais com os fornecedores.

DECLARAÇÃO

A LOGIN INFORMÁTICA COM E REP LTDA reafirma seu compromisso com a satisfação dos clientes, qualidade e meio ambiente, promovendo esforços para informar, advertir e coibir a utilização de minerais extraídos ou fundidos em áreas ora rotuladas de Zonas de Conflito ou de Alto Risco através do desenvolvimento de procedimentos de monitoramento denominado Programa de Monitoramento de Minerais 3TG. 3TG é um acrônimo para os quatro minerais monitorados pelo programa a partir das suas iniciais em inglês: (Tungsten, Tantalum, Tin, and Gold) correspondem na ordem a Tungstênio (W), Tântalo (Ta), Estanho (Sn) e Ouro (Au).

PROGRAMA DE MONITORAMENTO DE MINERAIS 3TG

A Login iniciou em outubro de 2019 a implantação do Programa de monitoramento de Minerais 3TG ao adotar as políticas do programa Responsible Minerals Initiative. Informamos a todos os fornecedores de produtos eletroeletrônicos à jusante da obrigatoriedade de atendimento dos procedimentos de monitoramento incluindo a apresentação da lista de Mineradoras e Refinarias destes minerais.

O Programa de Monitoramento de Minerais 3TG tem como objetivo atender às regras estabelecidas pela Responsible Minerals Initiative sobre o Dever de Diligência para Cadeias de Aprovisionamento Responsáveis em Minerais Provenientes de Zonas de Conflito ou de Alto Risco, de forma a evitar o uso de minerais provenientes da região africana dos Grandes Lagos, que direta ou indiretamente possa financiar ou beneficiar o conflito armado ilegal na região.

Por convenção da Responsible Minerals Initiative são denominadas Zonas de Conflito ou de Alto Risco a Região africana dos Grandes Lagos composta pelos países: Angola, Burundi, República Centro-Africana, República do Congo, República Democrática do Congo, Quénia, Ruanda, Sudão, Tanzânia, Uganda e Zâmbia.

 

“As zonas de conflito ou de alto risco caracterizam-se pela existência de conflitos armados, violência generalizada ou outros riscos de danos para as populações. Os conflitos armados podem assumir diversas formas, apresentando ou não um caráter internacional, com o envolvimento de dois ou mais Estados, ou consistir em guerras de libertação, insurreições, guerras civis, etc. As zonas de alto risco podem incluir áreas afetadas por instabilidade política, repressão, fragilidade das instituições, insegurança, colapso das infraestruturas civis e violência generalizada. São ainda frequentemente caracterizadas por abusos generalizados dos direitos humanos e violações do direito nacional ou internacional”.

Fonte: OCDE (2013), Guia da OCDE sobre o Dever de Diligência para Cadeias de Aprovisionamento Responsáveis em Minerais Provenientes de Zonas de Conflito ou de Alto Risco: Segunda edição, OECD Publishing.

 

“…é o primeiro exemplo de uma iniciativa de colaboração multilateral com apoio governamental sobre a gestão responsável das cadeias de aprovisionamento em minerais provenientes de zonas de conflito. O seu objetivo é ajudar as empresas a respeitarem os direitos humanos e a não contribuírem para os conflitos através das suas práticas de aprovisionamento em minerais. Tem igualmente o intuito de promover a transparência nas cadeias de aprovisionamento em minerais e uma intervenção empresarial sustentável no setor mineiro, a fim de permitir que os países beneficiem dos seus recursos minerais e impedir que a extração e o comércio de minerais se transformem numa fonte de conflito, violações dos direitos humanos e insegurança”.

Fonte: OCDE (2013), Guia da OCDE sobre o Dever de Diligência para Cadeias de Aprovisionamento Responsáveis em Minerais Provenientes de Zonas de Conflito ou de Alto Risco: Segunda edição, OECD

 

A Login utiliza como referência o Guia da OCDE sobre o Dever de Diligência para Cadeias de Aprovisionamento Responsáveis em Minerais Provenientes de Zonas de Conflito ou de Alto Risco. O CMRT – Conflict Minerals Reporting Template é utilizado para reportar a origem da matéria prima e auxiliar na identificação de minerais oriundos de Áreas de Conflito na cadeia de suprimentos, disponibilizado gratuitamente para download:
http://www.responsiblemineralsinitiative.org/media/docs/RMI_CMRT.xlsx

Candidatos a fornecedores, por favor atualizem a documentação da sua empresa conforme os requisitos dispostos no documento abaixo:
https://loja.login.com.br/catalogos/Requisitos_para_Fornecedores_maio2019.pdf

Devido à alta rotatividade de tecnologias e por consequência de fornecedores deste segmento, sugerimos o acompanhamento deste relatório no website Login através das revisões identificadas pela versão do documento indicada no cabeçalho do relatório. Versão inicial: v1.0fev2020.

O resultado do Programa Login de Monitoramento de Minerais de Zona de Conflito Login pode ser consultado aqui: Clique para visualizar.